terça-feira, fevereiro 17, 2015

Conselho 3


"Era uma vez duas serpentes que não gostavam uma da outra.Um dia encontraram-se num caminho muito estreito e como não gostavam uma da outra devoraram-se mutuamente.Quando cada uma devorou a outra não ficou nada.

Esta história tradicional demonstra que se deve amar o próximo ou então ter muito cuidado com o que se come."

in Almanaque de Santo António, 2002


Nunca confies numa serpente, elas comem-se uma às outras e, se puderem, ainda te comem a ti!

8 comentários:

  1. Respostas
    1. Víboras, raios! Há que estar alerta!

      Beijinhos, Rogério! :)

      Eliminar
  2. Estes conselhos nunca são demais:)
    Beijinho Maria :)

    ResponderEliminar
  3. Uma bota cardada para lhes esmagar a cabeçorra...
    Enfrente-se as bichas... cruzes canhoto e, se preciso for, invoque-se o Santo.

    ResponderEliminar