segunda-feira, junho 22, 2015

Doce

(Joseph Lorusso)

"He liked Bea to call him Dickie because she called Iris Iris; he liked the warmth of it, he said."

William Trevor, in the short story Good News





Era a ternura que soava a voz dela quando pronunciava o seu nome. Parecia que se lhe adoçavam os lábios, como se tivesse acabado de comer arroz-doce com canela.

16 comentários:

  1. No meu prato
    tenho sempre um coração desenhado
    a canela
    Para me lembrar dela

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E que bela forma de lembrança!

      Beijos, Rogério. :)

      Eliminar
  2. Ou como o mesmo nome, pronunciado da mesma forma, pode soar de maneira tão diferente :)

    ResponderEliminar
  3. Doces certezas que saem de uma voz doce.

    Um beijinho, Maria :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Uma sintonia de doçuras.

      Beijos, Miss Smile. :)

      Eliminar
  4. É sempre a voz que nos leva para caminhos suaves :)
    beijos Maria

    ResponderEliminar
  5. A doçura também se ouve:)
    Muito bonito, Maria.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Em palavras sussurradas.
      Obrigada, Sandra!

      Beijos. :)

      Eliminar
  6. Que pensamento tão bonito, Maria.
    Não há quem não goste de arroz doce com canela.
    Mesmo aquele bocadinho que sabe ao amargo do limão (mas que também faz parte do arroz-doce), é tão saboroso.
    Beijinhos :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada! Sabe a infância e a ternura, não é?

      Beijos, LP. :)

      Eliminar
  7. Palavras que se tornam doces nos seus lábios. Bonito :)

    ResponderEliminar
  8. Maria, tens ideias esplêndidas!

    Doce sim arroz-doce
    com uma comichãozita
    na ponta nariz
    derivada à cor da canela
    e com ela
    desenhar a preceito declarações
    de amor ou corações
    consoante o fim
    Se houver falta de ar
    pode-se sempre pôr o par
    boca a boca a respirar.

    Peço desculpa por andar um pouco arredio. Não é desconsideração - gosto muito de aqui vir.
    Só hoje tive a oportunidade de dar uma espreitadela. Obrigado pela tua visita e pelo teu cuidado. Estou melhor.
    Beijo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que bonito comentário, Agostinho, obrigada!

      Criam-se laços, ainda que neste mundo virtual. Pressenti-te menos bem e fui perguntar! :)
      Fico contente que estejas melhor!

      Beijos. :)

      Eliminar