sexta-feira, setembro 12, 2014

Quadro(s)



Já não há quadro preto. Já não há, até, quadro verde. Nem giz. O giz que, dizias, te fazia alergia e te punha os nervos em pé quando arranhava o quadro. Há quadro branco e caneta de feltro. Há, também, quadro interactivo sala sim, sala não. Projector e tudo! 
O João não quer ir escrever no quadro branco com caneta de feltro. O João quer escrever em word. Que não, que tem que usar o pc. O computador está avariado e o projector só emite negrume.
O João tem letra ilegível. Escreve com lentidão. O João nem sabe o que é giz e nunca viu um quadro preto mas sabe teclar como niguém, corrigidos os erros automaticamente. 
No branco, fica uma mancha azul com traços irregulares e trémulos, sem corrector.  



6 comentários:

  1. Infelizmente actualmente Maria, um quadro negro e um giz: essa é a perspectiva da educação em nosso país!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nem sei qual é a perspectiva, Legionário!

      Beijinhos Marianos! :)

      Eliminar
  2. A cada ano que passa o quadro é bem mais negro. E o pó do giz não tem onde assentar,

    Abraço e boa sorte

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Negro mesmo...

      Beijinhos Marianos, JM! Obrigada! :)

      Eliminar
  3. E com sorte esta tudo avariado. Ontem foi assim numa escola...:)
    Beijinhos :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. SE tivesse sido só numa!

      Beijinhos Marianos, I! :)

      Eliminar