segunda-feira, janeiro 13, 2014

Conselho

(Ahmet Murat Karayilan) 

Mata o ciúme antes que ele te mate a ti.

10 comentários:

  1. Respostas
    1. Pensa na quantidade de crimes passionais por esse mundo fora...

      Beijinhos Marianos! :)

      Eliminar
  2. Temos que considerar que O amor verdadeiro traz a cumplicidade e o compromisso pela felicidade mútua.
    Ainda que possamos sentir, em alguns momentos, uma pequena dose de ciúmes, é necessário aprender a lidar com as nossas inseguranças. À medida que vamos conquistando a autoconfiança, o respeito pelo espaço do outro, estaremos também cultivando a saúde dos nossos relacionamentos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sábio, tu! :)

      Beijinhos Marianos, Legionário!:)

      Eliminar
  3. Bom dia, Maria
    Andava a "passear" pelo Google quando reparei que nunca tinha visitado o teu blog, e resolvi entrar.

    Grande conselho, este! Infelizmente, o ciúme tem estado na origem de muitos crimes. Isto porque vai ao exagero; sendo na devida conta dá um certo "picante" ao relacionamento.

    Vou fazer-me tua seguidora e voltar sempre que possível.
    Beijinhos
    Mariazita
    (Link para o meu blog principal)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Mariazita! :)

      Obrigada pelas palavras e pela presença.

      Beijinhos Marianos! :)

      Eliminar
  4. O ciúme mata... E quando não mata pessoas mata relações!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E isso assusta...

      Beijinhos Marianos, Mafy! :)

      Eliminar
  5. Ciúme...Tenho visto umas parangonas, no correio da manhã, sobre esse tema. Acabo o café e tema foi-se...
    Já o tango não esse fica na alma! É incondicional, como o amor.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O tango é alma! :)

      Beijinhos Marianos, Tio! :)

      Eliminar