sexta-feira, janeiro 17, 2014

Arte


(Luca Lupi)

Estranharam-lhe a forma, a orientação, a nudez agressiva dos ramos.
Cresceu assim, feito arte.


14 comentários:

  1. Espero que a Primavera apareça
    Que a primeira folha rompa
    E que um pássaro azul lhe pouse numa ponta

    Já os oiço, em bandos...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Gosto dessa ideia. :) Gosto de pássaros azuis! :)

      Beijinhos Marianos, Rogério! :)

      Eliminar
  2. Um simples ramo, desnudado pelos efeitos da natureza, transforma-se em arte.

    Beijinhos observadores.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A arte está no nosso olhar e, porém, há tanta arte que não olhamos com a devida atenção!

      Beijinhos Marianos, Observador! :)

      Eliminar
  3. Como o vento ao soprar contra os ramos de uma arvore derruba de seus galhos as folhas secas, assim, devem se desprender de nossos sentimentos as emoções superficiais com o passar dos anos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mais fácil dizê-lo do que fazê-lo.

      Beijinhos Marianos, Legionário! :)

      Eliminar
  4. A arte, felizmente , ainda não sabe camuflar a realidade. .)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não há disfarces... :)

      Beijinhos Marianos, JM! :)

      Eliminar
  5. Respostas
    1. Obrigada, MA! Considero esse o maior elogio que me poderias fazer! :)

      Beijinhos Marianos!

      Eliminar
  6. E que linda é! Parece contar a história do patinho feio. :-)
    Beijinhos, Maria.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Há algo de muito belo no que nasce diferente. :)

      Beijinhos Marianos, Susana, e obrigada pela presença! :)

      Eliminar
  7. a arte nasce e cresce faz sentido:)

    beijinhos

    ResponderEliminar