quarta-feira, outubro 23, 2013

Tacto



                       (Amadeo de Souza-Cardoso)

Deixou os dedos deslizar pelos mais íntimos recantos do seu corpo mas o corpo esta ausente.
Descobriu, então, que não tinha tacto ou sensibilidade nervosa. Podia ver, ouvir, cheirar, saborear, mas o toque nada lhe dizia.

10 comentários:

  1. De todos os sentidos só o toque conduz os meus dedos pelas mãos dela...

    Um beijo, Maria :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que o tenhas sempre...

      Beijinhos Marianos! :)

      Eliminar
  2. O seres humanos em geral formam suas opiniões guiando-se antes pela vista do que pelo tacto, pois todos sabem ver mas poucos sentir. Cada qual vê o que parecemos ser, poucos sentem o que realmente somos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tocar é muito mais difícil do que olhar.

      Beijinhos Marianos, Legionário! :)

      Eliminar
  3. Pois não bastam apenas os dedos... e não basta apenas o toque no leque sensorial que a compõe.

    Beijo Maria :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Os dedos sentem falta do que lhes não é dado.

      Beijinhos Marianos, Eros! :)

      Eliminar
  4. E ficou mais infeliz, mas acho que ainda assim a conseguia tocar através do cheiro e do olhar e da junção de todos os outros sentidos, quando um nos falha os outros transformam-se.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tu és a mulher do "lado positivo"! :)

      Beijinhos Marianos, Verinha! :)

      Eliminar
  5. Gosto do Amadeo...

    A experiencia pode repetir-se:)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Um MESTRE! :)

      Talvez...

      Beijinhos Marianos, Tétisq! :)

      Eliminar